29/05   AERÓBIO ANTES OU DEPOIS DA MUSCULAÇÃO?

malhao texto 2

As atividades aeróbias são excelentes para a saúde e para quem quer ficar com o corpo bacana, além de melhorar o sistema cardiovascular. Por outro lado, a musculação tem sido uma das atividades físicas com mais benefícios, pois ela ajuda na perda de gordura.

Diante disso, muitos alunos ficam com dúvidas na hora de escolher qual o exercício é melhor para começar o treino. Para esclarecer essa dúvida, conversamos com o professor de musculação da Trainer Dennis Mendes.

Ele nos contou que é um pouco complexo dizer qual é o melhor para todo mundo, afinal é preciso avaliar as condições do aluno e disponibilidade de tempo, pois às vezes ele pode não sentir tanto desgaste.

“Vai depender da prioridade do aluno, se o exercício for feito antes da musculação, ele não vai render tanto no treino, pois o aeróbio requer mais esforço e intensidade. Se fizer depois, vai ser melhor e mais confortável, porque a musculação não baixa tanto o estoque de energia, fazendo com que renda mais no final do treino”, explica.

Se a prática for feita em excesso ou de maneira errada, o aluno pode entrar em overtraining (saiba mais aqui), e não vai ter uma recuperação adequada e nem ter os benefícios.

Concluindo, todo treino de musculação é de alguma forma um treino de hipertrofia, o que varia vai ser o volume de treino e objetivo da pessoa. O recomendado é fazer aeróbios em horários afastados ou em dias intervalados com o treino, para não correr riscos de cair em overtraining e se estressar.

Converse sempre com o seu professor. 

28/05   ALUNA DA TRAINER CONQUISTA BONS RESULTADOS EM PROVA DE NATAÇÃO

11265177 1015277645157492 5053295722071838552 n

Sabemos que o esporte é uma atividade importante para o desenvolvimento físico e disciplinar, em especial para as crianças, pois além de eles se divertirem, têm um preparo melhor e um ótimo rendimento cardiorrespiratório.

Hoje vamos contar o caso da nossa aluna Maria Luiza, que no último Circuito de Natação do Alto do Tietê conquistou dois pódios na categoria mirim.

Conversamos com a mãe dela, a Helem, e ela nos contou sobre o bom resultado, o que o esporte ajudou na vida da filha e também porque escolheu a Trainer.

“Eu e meu marido colocamos Maria Luiza na natação porque entendemos que é uma questão de segurança. Saber nadar é importante, e ter um esporte é essencial para a vida toda. Escolhemos a Trainer porque a aula é dinâmica, os professores são atenciosos, competentes e é a única que tem a melhor infraestrutura em Mogi das Cruzes”, comenta a mãe. 

Outra coisa bacana que ela contou é que a Maria nada há cinco anos, e que ela tem se desenvolvido bastante desde que começou.

“Ela tem muita técnica pela pouca idade. Por nadar há muito tempo, ela faz natação com prazer e não troca por nenhum outro esporte”, conta.  

Torcemos para que a pequena nadadora não perca o ritmo e consiga muitas conquistas.

27/05   ALIMENTE SE DE TRÊS EM TRÊS HORAS !

alimentacao-saudavel

Muitas pessoas falam para nos alimentarmos de três em três horas, mas você sabe o porquê? Conversamos com a nutricionista da Trainer, Yaline Burger, para esclarecer as dúvidas e falar da importância deste hábito.

“A primeira função e motivo de se alimentar a cada três horas é o de manter sempre o organismo recebendo nutrientes para as funções metabólicas. O processo de digestão e absorção de nutrientes dura esse tempo, por isso, a cada três horas devemos nos alimentar, já que não há mais nada para ser utilizado”, explica Yaline.

Se a pessoa ficar mais de três horas sem comer, ao invés de perder gordura, o corpo verá que não há alimento e irá começar a armazenar gordura na próxima vez que a pessoa se alimentar, uma forma de manter um estoque de energia no seu corpo, trazendo assim, os quilinhos indesejados.

“Se nos alimentamos a cada três horas, mantemos o corpo em constante queima e não há efeitos negativos como a utilização de proteína (massa magra) como fonte de energia, nem a conversão de reserva de gorduras como mecanismo de defesa. O hábito de comer também evita os ataques de fome incontroláveis quando comemos demais”, diz a nutricionista.

O aconselhável é que nas refeições intermediárias (colação, lanche da tarde e noite) devemos fazer refeições leves com alimentos de fácil absorção, como frutas, sempre acompanhado de um alimento de digestão e absorção mais lenta, como cereais, bebidas lácteas ou porção de queijo branco.

Agora que você já sabe o motivo, não fique muito tempo sem comer. Lembre-se que para ter um corpo bacana é preciso focar na alimentação e no seu treino!

26/05   CAMPANHA ABRAÇO QUENTE VAI ESQUENTAR ESTE INVERNO

Trainer Agasalho A3-01

A Trainer está com mais uma campanha bacana para quem precisa de ajuda neste inverno.

O cliente que fizer uma matrícula, renovação ou rematrícula do plano anual, ganhará um agasalho, que será doado à entidade assistencial Instituto Pró+Vida, de Mogi das Cruzes, ou para qualquer outra instituição indicada pelo próprio aluno.

Além disso, os alunos poderão contribuir doando agasalhos ou cobertores, mesmo que não vá renovar o seu plano. Tanto na unidade do Alto do Ipiranga quanto do Mogilar terão caixas, que ficarão localizadas nas recepções para receber as doações.

Lembre-se que o agasalho ou o cobertor devem estar limpos e em bom estado!

Outra ação bacana para aquecer neste inverno que está por vir é que você poderá ser aquecido pela nossa equipe, com muito carinho e atenção.

Aproveite também a Festa Junina nesta sexta-feira, dia 29, e os treinos no dia a dia para reunir os seus amigos de treino e professores e mandar fotos com aquele abraço bem apertado com a #abraçoquente. Suas fotos aparecerão em um álbum especial na nossa fanpage no Facebook e também no Instagram.

Participe e ajude o próximo!

25/05   GESTANTE TAMBÉM PODE E DEVE FAZER EXERCÍCIOS

NO PAIN NO GAIN

Até poucos anos atrás as gestantes não faziam exercícios. Elas iam, no máximo, a um fisioterapeuta. Com o passar do tempo, as pessoas começaram a perceber que a vantagem da atividade física para gestantes é ótima tanto para o bebê quanto para a mamãe. Esta é o tema da coluna No Pain No Gain desta semana.

É importante deixar claro que a grávida, se não houver risco em sua gestação, pode treinar tranquilamente com menos intensidade e peso reduzido. Dá para fazer até 45 minutos diários de exercício e, se possível, cinco vezes por semana.

Sabe-se que as mamães ganham em média de 2 a 3 quilos por mês. Por conta das alterações hormonais e da evolução do bebê, se ela gastar até 2 mil quilocalorias por semana teremos benefícios para ambos.

Com o exercício orientado conseguimos controlar melhor o peso da mulher, priorizando também a nutrição do bebê.

O recomendado é que ela trabalhe para ter um músculo forte e flexível. Exercícios de fortalecimento, em especial para o core (conjunto de músculos que ajudam a segurar e a estabilizar a região do quadril), dando uma nova postura e também exercícios da cintura pélvica.

Se a musculatura estiver forte, quando a gestante estiver com mais de cinco meses, ela pode continuar os exercícios sem medo, com carga e intensidades reduzidas.

Tudo é questão de adequação. O momento maravilhoso da gestação e a prática de exercícios  deve ser conduzida para o bem-estar da mulher e à saúde do bebê.

Os benefícios para as mamães que praticam atividade física são:  

Trainer Quadro3

 

As mulheres que praticam atividade física suportam melhor a dor do parto normal, porque o corpo muda muito e o exercício faz com que ela fique mais preparada e acostumada, além da força obtida, facilitando o parto.

As mulheres que já frequentam podem continuar, e as sedentárias começar com uma aula de hidroginástica, respeitando e tomando cuidado com a assepsia, porque nas 10 primeiras semanas ainda não fechou a placenta. O exercício entra como coadjuvante para a manutenção do peso ou até mesmo para perder ou manter os quilos.

Caso real
Nós temos uma ex-aluna que praticava exercício e tentou várias vezes engravidar. Depois de muitas tentativas, conseguiu e mesmo assim continuou. Nos primeiros três meses, ela emagreceu 4 quilos, e depois ela engordou 9, ou seja, no total ganhou apenas 5 quilos. Ela não teve dores fortes ou desconforto e só perdeu medidas na cintura.

Ela frequentou a academia todos os dias, teve uma dieta bacana, intercalou exercícios aeróbicos com exercícios de musculação, já estava adaptada e teve uma gestação fantástica. Ela ainda praticou ginástica até 10 dias antes de dar à luz. O bebê nasceu com 3 quilos e meio, super sadio e não teve complicações no parto.

Moral da história: Tire a bunda do sofá e venha fazer exercícios, mesmo gestante! 

22/05   ALUNO DA TRAINER FAZ PÓDIO EM PROVA DE TRIATHLON

11150717 1580754775509059 6755667125405746300 n

Mais um aluno da Trainer representou muito bem a academia. Desta vez foi o Henrique Garcia Lores, da natação, que conquistou o 5º lugar na prova Short Triathlon, que aconteceu na praia da Enseada, no Guarujá.

 

Depois de três meses com o joelho direito lesionado devido a muito esforço nas corridas e pouco descanso, Henrique decidiu voltar a competir.

Ele ainda não está totalmente recuperado, mas já deu para subir no pódio no último final de semana na categoria de 50 a 54 anos. Foram 750 metros de natação, 20 quilômetros de ciclismo e mais 5 quilômetros de corrida.

“A minha prova durou cerca de uma hora e 14 minutos. Estou contente por terminar bem e agradeço a Trainer pela atenção, ao apoio que me dão e ao professor e técnico Marco Vicco, que me passou os treinos de natação na medida certa. Ajudou e muito na minha recuperação com os treinamentos com a pulboia e os tiros na piscina. Para os treinamentos, a Trainer foi e é de muita importância para mim, pois é só lá que posso treinar em uma piscina aquecida e coberta para manter a minha resistência cardiorrespiratória e soltura do corpo”, comenta Henrique.

Temos orgulho de ter alunos como o Henrique, que além de estar na melhor idade, vence todas as dificuldades e procura sempre o seu melhor.

21/05   CONHEÇA OS BENEFÍCIOS DA CREATINA

No vídeo abaixo, o professor Marcos Pudo fala um pouco mais sobre a creatina, um suplemento a base de aminoácido, composto por glicina, metionina e arginina.

Ela promove a melhora na velocidade, força e potência muscular, auxiliando o  desempenho nos treinos.

Assista ao vídeo e veja como a substância reage no nosso corpo e como ela pode ajudar. É só dar o play:

 

20/05   ESTÁ CHEGANDO A FESTA JUNINA DA TRAINER!

Trainer FestaJunina post-02-02

Preparem o chapéu de palha, a camisa xadrez e o vestido de chita. Está chegando a 4ª edição da Festa Junina Beneficente da Trainer!

Vamos para as novidades?

No dia 27, a partir das 20h30, na unidade do Alto do Ipiranga, teremos o Esquenta Junino, uma aula com passinhos de comitiva, arrocha e sertanejo, que funcionará como um ensaio para a quadrilha. A aula será na sala de ginástica, portanto, a aula de zumba e de spinning serão canceladas.

E, no grande dia do nosso arraial, teremos barraca de doces, salgados, churrasco, bebidas, brincadeiras e o tão esperado concurso de Mister Chico Bento e Miss Rosinha, com um desfile especial para as crianças e uma comitiva para os adultos, além de muita animação. A quadrilha será mista, crianças e adultos dançarão juntos.

Todos estão convidados, até mesmo quem não é aluno. Para participar é preciso doar um quilo de alimento não perecível (menos sal e açúcar). Tudo que for arrecadado será doado à Igreja São José Operário, no Mogilar.

Chame os seus amigos e participe do nosso arraial!

19/05   ALUNO DA TRAINER FAZ DOIS PÓDIOS EM PROVA DE NATAÇÃO

18984 682754781871314 4075979034962646733 n

O aluno de natação da Trainer Caíque Aimoré conquistou duas medalhas de bronze na penúltima etapa regional do Circuito Caixa Loterias de Atletismo e Natação de 2015. Este é o evento paraolímpico mais importante do País.

“A equipe da Trainer sempre foi incrível comigo. Eu e meu técnico Marcão (Marco Vicco), nos damos super bem e os resultados estão cada vez melhores. Vou começar uma nova etapa de preparação na Trainer, incluindo musculação e treinamento funcional. Baixei meus tempos e pretendo conquistar novas metas. Estou muito confiante”, comenta Caíque.

Ele conquistou bronze nos 200 metros medley e 100 metros de costas (classe S14), além da classificação para a fase nacional e bateu o seu recorde pessoal em três provas: baixou 3 segundos nos 100 metros costas, e pela primeira vez fez os 200 metros medley abaixo de 3 minutos.

Temos grande orgulho de ter um atleta fazendo parte de nossa equipe e isso só demonstra o quanto a Trainer apoio os atletas mogianos cada vez mais.

18/05   HIDROGINÁSTICA NA PRÁTICA

NO PAIN NO GAIN

Muita gente acha que a aula de hidroginástica é muito fácil, mas não é. É preciso aplicar os conceitos e exercícios que o professor e o aluno devem fazer ao longo da atividade. Na segunda parte da coluna No Pain, No Gain, vamos continuar a falar da hidroginástica, mas agora da prática.

Na prática a aula funciona assim: começa com um aquecimento de aproximadamente 5 minutos, ou em torno de 10% da aula. Depois tem o exercício cardiovascular, com movimentos seguindo o ritmo da música. Isso é interessante porque as aulas podem variar a coreografia e estilo, dificultando ou facilitando o desenvolvimento.

O professor tem de dar 20 minutos de exercícios aeróbios, que é o mínimo necessário, e de 15 a 25 de exercícios localizados, cujo objetivo é desenvolver a resistência muscular localizada e, em alguns momentos, a força. É importante falar que quanto mais profundo o exercício é executado maior o grau de resistência.

Intensidade
A intensidade moderada é aplicada depois do aquecimento. Composta por movimentos diferentes, como o deslocar lateralmente e agachar, fazendo com o que o o corpo se desloque livremente, promovendo a extensão do quadril e de braço.

Complementos
Há também complementos para deixar a prática mais desafiadora, como a luva que impede de a água passar entre os dedos, aumentando a resistência. Tem também pesos, cones, bola, caneleira e outros, para dar resistência ou dificuldade para completar os exercícios e se manter em equilíbrio.

Para poder se equilibrar, usa-se o membro superior e o deslocamento conforme o ritmo da música e da coreografia montada pelo professor. Essa repetição de padrão de movimentos de forma constante faz com que o sistema cardiovascular trabalhe várias vezes o mesmo movimento.

Já a velocidade é o fator importante na prática, pois quanto mais velocidade, mais força e resistência a água vai exercer, dando impulso nervoso. Para mulheres que estão na fase de menopausa e homens perdendo massa muscular é bastante interessante a prática com o máximo de velocidade possível.

Recomendamos aos alunos alguns exercícios fora d’água para complementar e melhorar a condição, incluindo as gestantes. Elas podem praticar até dias antes do parto, porque a flutuação ajuda. Só não é recomendada caso ela ou o bebê sejam hipertensos, pois a pressão da água pode afetar o bebê. Nas primeiras 12 semanas é bom que ela tenha pelo menos dois maiôs e que reveze, e na hora de secar utilize um ferro de passar para evitar fungos e umidade.

Caso real
Uma aluna, que é dentista, entrou na academia com duas hérnias de disco e foi orientada por um médico a fazer hidroginástica. Nós propomos a ela que só participaria das aulas se fizesse três exercícios de fortalecimento extra na sala de musculação. Ela topou e, depois de 90 dias, falou que tanto as aulas de musculação quanto de hidro foram bem aceitas.

Hoje ela está se sentido melhor e não sente mais dores.

Moral da historia: Tire a bunda do banquinho e vem para a academia treinar!

15/05   DROP SET E BI-SET COMO FUNCIONAM?

drop-sets

Nada melhor do que treinar um pouco mais pesado para esquentar o corpo e ter melhor rendimento, não é mesmo? Este post é especial para homens e mulheres que treinam para hipertrofia, e querem ficar com o shape bacana até na estação mais fria do ano.

Muitos que frequentam a academia sabem, mas há diversos tipos de exercícios específicos para deixar o músculo mais definido. Conversamos com o professor de musculação Dennis Mendes para falar sobre dois tipos: o Drop Set e o Bi-set.

“São métodos de treino com características focadas em trabalhar o tipo de hipertrofia, chamada de metabólica ou sado plasmática. Ele aumenta a quantidade de metabolismo muscular, leva água e faz com que você tenha hipertrofia, ou seja, um aumento de massa muscular. No entanto, ela acontece de forma mais rápida”, explica Dennis.

Todos os homens e mulheres podem fazer. É claro que homens vão preferir os membros superiores, e mulheres os inferiores, mas na metodologia não há diferenças, já que a carga não tem importância, mas sim a repetição.

“Esses métodos têm mais repetições e um dos objetivos é que você faça mais movimentos, mesmo que a carga seja mais baixa. No programa de hipertrofia da Trainer, essas fases já são definidas e o aluno tem o cronograma de um ano, no qual vai praticar esses métodos de forma bem pensada, estruturada e acompanhada por um professor”, explica.

Como é o Bi-set?
O Bi-set é quando você faz dois exercícios, um atrás do outro, sem descanso entre eles. Somente após os dois exercícios sequencialmente é que você dá uma pausa para recuperação antes de começar mais uma série, aumentando o volume de treino e o cansaço muscular. Um exemplo: fazer dez repetições do primeiro, mais dez repetições do segundo, e só então descansa um minuto.

Como é o Drop-set?
O Drop-set é uma série em que você faz o máximo de repetições com determinado peso, atingindo a falha muscular. Daí você reduz o peso, e faz novamente o máximo de repetições até falhar. O descanso deve ser o menor possível entre uma falha e outra. Há diversas variações dessas técnicas, algumas reduzem um pouco o peso, outras reduzem pela metade.

A combinação entre a ordem de execução dos exercícios, as estratégias, os tipos de exercício, bem como a quantidade de repetições, de séries, de descanso entre séries e da sobrecarga é responsável por resultados surpreendentes na musculação.

Vale lembrar que a divisão dos exercícios é fundamental para a recuperação muscular, pois é no descanso que ocorrem os ganhos (o músculo deve descansar cerca de 72 horas).

Quer ficar com o corpo bacana em qualquer época do ano? Então vem treinar com a gente!

14/05   BEBÊS PODEM NADAR NO INVERNO

Abre-saúde

Muitos pais tiram os pequenos das aulas de natação nessa época de frio rigoroso com medo de eles ficarem gripados ou ter algum problema de saúde. Mas não se preocupe, aqui na Trainer, as piscinas possuem temperatura média de 33ºC para os bebês em um ambiente vedado, para impedir a entrada de correntes de ar e garantir o conforto durante as aulas.

Conversamos com a professora de natação da Trainer, Katia Suzuki, que falou um pouco sobre a atividade no inverno e dos cuidados necessários nesta época.

“Durante a temporada mais fria do ano, os bebês e as crianças ficam mais abertas às doenças respiratórias, mas a natação é aliada, pois melhora a musculatura respiratória, diminuindo a incidência de doenças, como gripes e resfriados, porque fortalece o sistema imunológico. Como a temperatura fora da piscina está mais baixa do que dentro da água, é preciso ter em mãos roupão atoalhado com capuz, para deslocar o bebê da piscina até o vestiário”, explica a professora.

É importante também evitar faltas, para não perder o que o aluno ganhou e aprendeu nas últimas aulas.

Por tudo isso, com a chegada do inverno, não deixem de levar a criançada para nadar. Assim, os pequenos nadadores manterão seu sistema imunológico forte e continuarão seu aprendizado.

13/05   NÃO DEIXE DE TREINAR NO INVERNO !

20062014081729f01

Sabemos que treinar durante o inverno não é fácil! Mas você sabia que esse é o melhor período? Para não deixar a preguiçar pegar é importante conversar com o seu professor e escolher os melhores exercícios e séries, de acordo com o seu objetivo.

Conversamos com o professor de musculação da Trainer Dennis Mendes, e ele deu algumas dicas de como manter o pique e não diminuir o rendimento nos treinos.

“O importante nos dias frios é fazer um aquecimento geral, pelo menos uns 5 a 10 minutos de esteira e bike, para preparar o corpo para o exercício. Aquecer a musculatura antes de ser trabalhada de acordo com o exercício é fundamental, pois além de preparar o corpo, o metabolismo tende a ficar mais acelerado e a queima de calorias é maior”, explica.

Uma das vantagens da estação é que o corpo descansa melhor e, para as mulheres, as temperaturas baixas fazem com que o sangue circule mais internamente, aumentando a pressão arterial e a disposição para a prática de exercícios.

“O interessante também é manter o treino e foco. Se a pessoa estiver um pouco indisposta ou com preguiça, o professor pode fazer um treino mais curto, mas com foco na força. Nos próximos meses, o ideal é trabalhar mais a força, hipertrofia, e depois a definição no caminho do projeto verão. O importante é não faltar e deixar de treinar, mesmo que perca o volume de tempo em número de exercícios, não diminua a intensidade”, aconselha o professor.

Veja também quais os melhores horários para treinarm clicando aqui.

 

12/05   Engordar no inverno: mito ou verdade?

como-aproveitar-o-inverno-sem-engordar-1-1-334

 

O inverno está chegando e bate aquela preguiça e a vontade de comer muita guloseima, não é? Você já reparou que é nessa época que sentimos mais vontade de comer? E por que será que engordamos mais no inverno do que no verão?

Conversamos com a nutricionista da Trainer, Yaline Burguer, para esclarecer essas questões e o que fazer para não cairmos nessa tentação.

 Para repor a energia que gastamos ao longo do dia e manter a nossa temperatura, o organismo pede comida; já que é por meio dela que obtemos nossa primeira fonte de energia, por isso a tendência é engordar.

“Como ficamos mais em casa recolhidos, isso facilita o acesso a mais alimentos e acontece também a diminuição da atividade física por conta da chuva. Sentimos também mais sede e mais fome devido ao aumento do trabalho do corpo para manter a temperatura adequada”, explica Yaline.

Para se manter quentinho e não perder o hábito de uma alimentação saudável, aposte também em comidas e bebidas quentes e leves, como sopas e chás.

“Como no frio diminuímos a ingestão de alimentos frios, como saladas, devemos colocar esses alimentos em maior quantidade e variedade nas preparações quentes, como sopas, tortas e outras comidas típicas do inverno. É sempre bom lembrar de alimentar-se a cada 3 ou 4 horas, para que possamos passar pelo inverno sem o ganho excessivo de peso”, recomenda.

Então, agora que você já sabe que o inverno influencia as pessoas a comerem mais, não abuse nas comidas calóricas e busque sempre uma alimentação balanceada. Não deixe de ir à academia, pois além de deixar você com o corpo em dia, também ajuda a esquentar.

 

11/05   HIDROGINÁSTICA É PARA TODOS

NO PAIN NO GAIN

Quando pensamos em uma aula de hidroginástica, logo imagina-se uma turma de idosos praticando exercícios na piscina. De fato, a atividade é benéfica para os idosos, principalmente para aqueles que têm dores nos joelhos, artrites, fibromialgia, hipertensão, coluna e circulação, mas o que poucos sabem é que ela é indicada para todas as idades, sem restrição.

Para explicar como funciona e os benefícios, a coluna No Pain No Gain desta semana vai falar um pouco sobre a dinâmica da hidroginástica. Vamos lá?

Boa parte das pessoas acha que a hidroginástica é um complemento da natação, mas não, ela é uma ginástica feito dentro d’água e a aula convencional tem dois objetivos: melhora no sistema cardiovascular ou cardiorrespiratório e no sistema neurorrespiratório .

É uma atividade considerada segura pelo menor impacto, porque a água oferece uma força que chamamos de impulso, pois ela joga o corpo para cima, ao contrário do que se tivesse fora d’água.

Quanto mais profundo o aluno estiver, maior será essa força, ou seja, maior a pressão a água sobre o corpo. Além disso, proporciona uma resistência maior de aeróbia, localizada e de força, que é a neuromuscular. E é interessante que os alunos tenham uma frequência de duas a três vezes por semana.

Recomendamos aos alunos alguns exercícios fora d’água para complementar e melhorar a sua condição.

Gestantes também são bem vindas. Elas podem fazer até alguns dias antes de dar a luz, porque a flutuação ajuda, a não ser que ela seja hipertensa ou o bebê seja hipertenso, pois a pressão da água pode afetar o bebê. Nas primeiras 12 semanas é bom que ela tenha pelo menos dois maiôs, revezando-os para a secagem total, porque neste caso a umidade pode fazer mal à mãe e à criança.

Já para aqueles que querem perder peso com a hidroginástica, é recomendada uma atividade extra, como uma caminhada ou musculação.

Uma das vantagens do nosso programa é que ele é aberto, e o aluno pode praticar de de segunda a sexta ininterruptamente.

Caso real
Um aluno hipertenso veio para a academia após o médico recomendar a prática de atividades. Ele tinha obesidade mórbida, com IMC de 33, e problemas articulares nos joelhos e quadril.

O médico recomendou a ele alguma atividade, e ele começou na bicicleta e esteira, mas sentiu muitas dificuldades. A musculação era importante para a adaptação anatômica, mas as dores atrapalharam. Então indicamos a hidroginástica e a resposta foi boa. Mudamos o meio, para o ambiente aquático, e ele continuou com a musculação.

Após 90 dias, praticando aeróbio cinco vezes por semana, perdeu peso de forma significativa e ficou mais determinado na dieta, sempre sob a nossa supervisão o orientação. Até agora, ele perdeu em torno 35 quilos, a pressão está controlada, os joelhos e quadril não são mais os vilões da história e a sua qualidade de vida é outra.

Moral da história: tire o corpo do sofá e vá para a hidroginástica.

08/05   ESTOU EM OVERTRAINING. E AGORA?

overtraining musculacao hipertrofia-muscular

Você sabe o que é overtraining? Se adora fazer séries e não fica um dia sem ir à academia, com certeza você já ficou indisposto, com dores nas articulações ou teve sintomas diferentes do comum. O overtraining é uma síndrome que vem se tornando cada vez mais comum em academias. Ou seja, quando a atividade física deixa de ser saudável e prejudica a saúde.

Para esclarecer as dúvidas e ficar por dentro do assunto, conversamos com o professor de musculação Dennis Mendes, que fala dos sintomas dessa sobrecarga nos músculos.

“O overtraining é um excesso de treinamento, e é provocado pelo excesso de exercício ou por uma carga de intensidade alta. Ele ocorre principalmente pela falta de recuperação adequada durante os treinos. Por exemplo, se você treina com intensidade alta todos os dias, e não descansar, fará uma sobrecarga nos músculos e membros”.

Quando não há repouso, o sistema do substrato energético do músculo se acumula. Por isso é importante o descanso entre os treinos e da presença do professor, pois ele vai ajustar a intensidade e variabilidade dos exercícios, de acordo com o seu objetivo e disponibilidade.

Para prevenir, basta seguir alguns parâmetros e, principalmente, escutar os sinais que seu corpo dá. Não espere uma resposta linear, até por que o overtraining só é diagnosticado com uma junção de muitos fatores.

“O aluno vai sentir uma diminuição no desempenho físico, pode sofrer com insônia, ter um aumento de estresse, vai se sentir cansado e a imunidade pode abaixar. Então, nada melhor do que um descanso e um ajuste certo de um intervalo entre os treinos e a série. O nosso corpo precisa de repouso após a atividade física e, se isso não ocorre corretamente, o organismo fica prejudicado e aparecem sintomas negativos”, explica Dennis.

07/05   SAIBA QUAIS OS SUPLEMENTOS MAIS PROCURADOS

Sabe-se que o amendoim é rico por ser altamente calórico, mas o que poucos sabem é que a sua pasta para a suplementação é muito bem indicada, pois contém ômega 3 e outros componentes benéficos para quem treina mais de três vezes por semana.

Este é um dos suplementos mais procurados na loja da Dr. Suplementos. Além de dele, no vídeo abaixo, o professor Marcos Pudo fala de outros produtos importantes para ajudar no rendimento.

É só dar o play:

 

 

06/05   VENHA RETIRAR O SEU KIT PARA A CORRIDA O REI DA MONTANHA!

Trainer Kits

Ansioso para a corrida noturna O Rei da Montanha?

Os kits para quem se inscreveu pela Trainer poderão ser retirados nesta sexta-feira, a partir das 19 horas, ou no sábado, até as 16 horas. Quem não puder buscar antes, poderá retirar no dia da prova, na barraca da Trainer.

Quem acompanha diariamente o nosso blog, já leu as dicas de alimentação e preparo físico que o professor João Felipe deu para quem quer aumentar o rendimento ao longo do percurso (leia mais aqui).

Foco e determinação são importantes em provas como esta, mas só isso não basta, é preciso também estar vestindo a camiseta da sua equipe para a identificação de seus parceiros e fazer bonito no pódio.

Vista a sua camiseta, prepare-se e boa sorte!

05/05   VENHA RETIRAR O SEU KIT PARA A CORRIDA O REI DA MONTANHA!

Trainer Kits

 

Ansioso para a corrida noturna O Rei da Montanha?

Os kits para quem se inscreveu pela Trainer poderão ser retirados nesta sexta-feira, a partir das 19 horas, ou no sábado, até as 16 horas. Quem não puder buscar antes, poderá retirar no dia da prova, na barraca da Trainer.

Quem acompanha diariamente o nosso blog, já leu as dicas de alimentação e preparo físico que o professor João Felipe deu para quem quer aumentar o rendimento ao longo do percurso (leia mais aqui).

Foco e determinação são importantes em provas como esta, mas só isso não basta, é preciso também estar vestindo a camiseta da sua equipe para a identificação de seus parceiros e fazer bonito no pódio.

Vista a sua camiseta, prepare-se e boa sorte!

05/05   ARROZ E FEIJÃO: A COMBINAÇÃO PERFEITA DE PROTEÍNAS VEGETAIS

fei

Queridinha dos brasileiros, a combinação arroz e feijão é perfeita do ponto de vista nutricional, você sabia?

Engana-se quem pensa que um bom prato de arroz e feijão atrapalha a dieta e engorda. Muito pelo contrário, a combinação é fonte de fibras e aumenta a sensação de saciedade, evitando a ingestão de doces e outros alimentos.

Conversamos com a nutricionista da Trainer, Yaline Burguer, que nos explicou os valores nutritivos e o mito sobre a comida.

“A dupla é imbatível devido à riqueza de nutrientes, por exemplo, um aminoácido que um não tem, o outro possui. Além disso, se consumidos juntos, arroz e feijão chegam muito perto da quantidade de proteína de origem animal e têm menor teor de gordura, além de fornecer carboidrato como fonte de energia”, explica Yaline.

Embora menos populares, existem outros tipos do grão e da leguminosa que podem incrementar o cardápio sem deixar de lado a tradição e os benefícios ao organismo. Mas será que o consumo da dupla engorda e pode atrapalhar o resultado do treino?

“O arroz integral tem mais proteína que o polido, esse que estamos acostumados a comer todos os dias, e também tem muita fibra, o que faz bem à saúde, pois ajuda o funcionamento do intestino. Pode-se fazer várias combinações dos tipos de arroz e feijão e o resultado será o mesmo. Já o mito de engordar ou não é muito relativo, pois só estes alimentos só interferem em algo se consumidos além da necessidade diária e se houver algum acréscimo de gordura, como por exemplo, paio, carnes ou bacon no feijão, e queijos e maioneses no preparo do arroz”, conta a nutricionista.

O feijão também é fonte de vitaminas B1, B2 e B3; possui sais minerais, como potássio, ferro, fósforo, cálcio, cobre, zinco e magnésio; e lisina, aminoácido essencial (aquele que o corpo não produz, mas é necessário ao organismo) que contribui para o crescimento e para a restauração de tecidos.